Resenha: Leaving Paradise

Leaving Paradise, Simone Elkeles
★★★★☆
Sinopse:  Nada foi o mesmo depois que Caleb Becker saiu de uma festa bêbado, foi para trás do volante e bateu em Maggie Armstrong. Mesmo após meses de terapia, Maggie anda mancando. Sua vida social é nula e sua bolsa de estudos — sua chance de fugir de todos e seus olhares de pena —foi cancelada. Após um ano na prisão para jovens infratores, Caleb está livre, sua a liberdade significa estar sendo vigiado por seu agente de custódia e os olhares curiosos de toda cidade. Voltar para casa deveria ser bom, mas sua família e seus amigos parecem estranhos. Caleb e Maggie são esquisitos, um rotulado de “ex-convicto” e outro de “louco”. Então a verdade sobre o que realmente aconteceu na noite do acidente emerge e mais uma vez tudo muda. É uma jornada difícil para Caleb e Maggie, no entanto eles encontram força e conforto numa fonte surpreendente: um no outro. (Fonte)

“- Você está me seguindo? - ela perguntou, mas não me olhou nos olhos. - Sim - eu disse. - Por quê? - Honestamente? Ela olhou para mim, as sobrancelhas levantadas. Dei-lhe a única resposta honesta e verdadeira que eu tenho: - Você está aonde eu desejo estar.” 
Caleb acaba de sair da prisão após ficar um ano recluso devido a imprudência de dirigir bêbado e acabar atropelando Maggie, sua vizinha, que passou por cirurgias e passa por dolorosas fisioterapias, mas ainda assim sua perna nunca foi a mesma, o que faz ela mancar. Ela era melhor amiga da sua irmã, que após seu acidente de uma forma estranha afasta-se dela.

As coisas não estão fáceis para nenhum dos dois, Maggie volta para o colégio no mesmo dia que Caleb, ela tem que aguentar olhares de pena e a indiferença de algumas amigas que tinha antes do acidente. A família de Caleb estar toda desestruturada, Leah sua irmã gêmea se isolou do mundo e virou gótica, seus pais insistem em viver de aparência e seus amigos são falsos.

E não obstante, Caleb se vê trabalhando na casa de uma senhora para se livrar dos serviços comunitários, que por coincidência é a mãe do chefe da mãe de Maggie, que a convida para trabalhar de jardineira, a fim de ajuda-la a realizar seu sonho de ir fazer um intercâmbio na Espanha, já que sua bolsa foi revogada.

O livo inteiro é imerso em uma turbulência de sentimentos e escolhas. Escolhas essas que mudaram vidas de muitos, a história é impecável, a narração é ótima e ficou ainda mais clara pelo fato da autora ter intercalado a narração entre os personagens principais, mostrando os dois lados da história, o envolvimento entre os dois possibilita um enriquecimento da personalidade de ambos; Caleb com seu jeito rebelde que deixa qualquer uma encantada, vai mudando aos poucos, Maggie que no início faz o papel de uma garota frágil, mas muito determinada ao decorrer da história torna-se confiante e destemida.

Leaving Paradise é mais que uma história de romance, trata-se de superação, perdão e principalmente coragem para superar o passado e enfrentar o presente. A trama é muito envolvente, assim que termina de ler o primeiro quer começar imediatamente a continuação, já li o segundo livro e em breve terá a resenha.

Wanessa Silva

Um comentário:

  1. Eu preciso parar de ler essas resenhas, você não faz ideia do quão grande está minha lista de livros pra comprar. Adorei seu post, me deixou super interessada.

    Teu blog tá lindo!

    Beijos, Letícia.
    wesoldiersoflove.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Ficamos feliz em vê-lo por aqui! Todos os comentários são moderados para que sempre receba uma resposta e também para evitar inconveniências :)