Novo livro de Tahereh Mafi, Furthermore, já tem data de lançamento


(imagem do google)

Tahereh Mafi escreveu a série Estilhaça-me, uma das minhas preferidas da vida, e como se não bastasse ela também é casada com Ransom Riggs, autor de O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares! Essa mulher é um sucesso além de ser muito querida <3

Hoje a própria divulgou a data de lançamento do seu próximo livro, chamado Furthermore, e será publicado em 30 de agosto de 2016. Há mais de um ano, a Publishers Week (clique para ler o artigo completo, em inglês) divulgou sobre Furthermore, mais ou menos assim:

"O primeiro volume, Furthermore, conta a história sobre dois mundos e sua inigualável heroína: Alice Alexis Queensmeadow, de doze anos. Quando o pai de Alice desaparece de Ferenwood, ele não levou nada além de uma régua consigo, e depois de quase seis anos, ela embarca em uma jornada em busca dele." (tradução livre)
Tahereh divulgou em seu facebook há um tempo, a sinopse do livro, confira a seguir:
"Alice Alexis Queensmeadow de doze anos, tem apenas três coisas no mundo que importam: Mãe, que não sentiria sua falta; irmãos trigêmeos, que nunca a conheceram; e pai, que sempre a amou. O dia em que o pai desapareceu de Ferenwood, ele não levou nada consigo além de uma régua, então alguns disseram que ele foi medir o mar. Outros dizem o céu. A lua. Talvez ele tenha aprendido a voar e se esqueceu de como voltar para baixo. Mas já faz quase seis anos desde então e Alice está determinada a encontrá-lo. Ela ama seu pai mais que ama aventura e ela está prestes a embarcar em uma para encontrar o outro. Custe o que custar." (tradução livre)
E junto, compartilhou um pouco sobre a história de Furthermore:

"Era uma vez, uma garota nasceu. Isso foi bastante monótono.

Seus pais estavam felizes o suficiente: a mãe contente por não ter que carregá-la mais; o pai contente por acabar com o mistério. Mas um dia eles perceberam que seu bebê, chamado Alice, não tinha nenhum pigmento. Seu cabelo e sua pele eram brancos como o leite, seu coração e seus ossos eram suaves como seda. Seus olhos só tinham apenas uma mancha de cor: apenas um toque da mais clara sombra de mel. Era o tipo de criança que o mundo não apreciaria.

Ferewood tinha sido construída em cor. [...] Seu povo sempre foi conhecido como o mais iluminado - modelado após os planetas, eles diziam - e a jovem Alice foi considerada muito fraca embora não soubesse disso.


Era uma vez, uma garota que foi esquecida." (tradução livre)

Tahereh disse também que Furthermore "é tipo um conto de fadas, uma história onde a mágica é um dever, a aventura é inevitável e a amizade pode ser encontrada nos lugares mais inesperados.".

Bianca Karina Teles

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ficamos feliz em vê-lo por aqui! Todos os comentários são moderados para que sempre receba uma resposta e também para evitar inconveniências :)